Justiça!

Postado por Paulo Cezar Soares | segunda-feira, 1 de Março de 2021

 

Publicado no site do jornal O Dia

 

‘Eu quero justiça’, diz irmã de Arilson Santiago, vítima de tiro enquanto ia para o trabalho em São Gonçalo

Ana Carolina Santiago, irmã da vítima, disse que a troca de tiros no horário da manhã é constante na região. Dois policiais prestam depoimento nesta segunda sobre o caso

Rio - Ana Carolina Santiago, irmã de Arilson Santiago, que foi morto na manhã deste domingo (28) vítima de tiro, afirmou que a polícia militar faz operações constantes em São Gonçalo, entre às 5h30 e 6h da manhã e que a violência é constante na região. Em tom de desabafo, ela pede justiça pela morte do irmão.

Arilson tinha 21 anos e foi baleado enquanto estava no interior de um carro indo para o posto de gasolina onde trabalhava, por volta das 5h, durante um confronto entre policiais e traficantes. Segundo parentes, ele tinha pego carona e estava acompanhado do gerente e de um amigo do trabalho.

Comentários

Adicionar comentário

Preencha o formulário abaixo para postar seus comentários