Moradores unidos contra a violência

Postado por Paulo Cezar Soares | Quarta-feira, 6 de Junho de 2018

Índices de assaltos sobem no bairro do Méier.  Moradores farão passeata pedindo mais segurança

No próximo sábado, a Associação de Moradores do Méier, Zona Norte do Rio, farão uma passeata, cujo objetivo é pedir mais segurança para o bairro, com início no Centro Cultural João Nogueira, na rua Dias da Cruz, até a rua Paula Silva Araújo, onde, na noite do último dia 2, o contador Augusto Cezar Silva Andrade, 37 anos, foi covardemente assassinado por um bandido que estava em companhia dos seus asseclas, num carro roubado. O contador estava chegando em casa, num condomínio, na companhia da mulher e do seu filho de 11 anos, quando foi atacado pelo bandido, que fugiu num carro roubado, na companhia dos seus asseclas. Acabou sendo atingido por vários tiros. Chegou a ser hospitalizado, mas faleceu na madrugada de domingo.

O fato em tela demonstra, mais uma vez, que a intervenção militar não modificou , nem modificará a realidade da segurança do povo carioca. E não é culpado Exército, nem tampouco da polícia. A culpa é do sistema, dos governos federal e estadual - O Rio tem governador? Sem dinheiro, sem investimentos dignos de nota na estrutura das polícias e em projetos sociais, não há solução.